04/09/20 - Campanha solidária da Caesb continua ajudando população vulnerável do DF



Caesb já doou cerca de 10 mil itens de higiene pessoal

Em continuidade às ações solidárias lançadas pela Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) durante a pandemia do novo coronavírus, a Empresa fez duas doações de sabonetes para instituições de Ceilândia e do Itapoã. Foram 1.350 itens doados para ajudar no combate da Covid-19. As entregas fazem parte da campanha solidária lançada pela Caesb em maio e que segue ajudando famílias em situação de vulnerabilidade social.

Na última semana, a Caesb doou 1.200 sabonetes para a creche RN Sol Nascente, que atende aproximadamente 400 famílias de Ceilândia, e 150 sabonetes para o Grupo Agradecer, que desenvolve projetos com famílias carentes do Itapoã, no Paranoá e do Entorno do DF. Com essas doações, a Caesb já doou cerca de 10 mil itens de higiene pessoal.

Responsável pela creche RN Sol Nascente, Cláudia Damiana da Silva Teixeira reforçou que a doação vai permitir mais dignidade às famílias, já que estavam usando sabão de soda na higienização das crianças e dos adultos. A instituição atende crianças vulneráveis com aulas de pedagogia e contribui com as famílias do bairro doando produtos de higiene e alimentação.

“Relatos como esse que vivenciamos na RN Sol Nascente nos fazem perceber como essa ação é importante e significativa para a sociedade. É por esse motivo que a Caesb decidiu manter a campanha e, com o apoio de quem pode doar, continuar ajudando as famílias que mais precisam”, destacou Nívia Pedrosa de Oliveira, gerente de Qualidade de Vida e Responsabilidade Social da Caesb.


Para a representante do Grupo Agradecer, Lilian Silva, a ação solidária da Caesb mostra que o Estado está atento com a população mais vulnerável. “O gesto da Caesb comprova que o governo e o cidadão conseguem trabalhar juntos para ajudar os mais carentes”,  ressaltou.

A ação solidária da Caesb foi lançada em 5 de maio e duraria um mês. O objetivo inicial era ajudar as famílias de 450 crianças e adolescentes atendidos pelo Golfinho, um Projeto Social da Caesb. Mas a Empresa decidiu continuar arrecadando e distribuindo os itens também para instituições sem fins lucrativos até o fim da pandemia de Covid-19.

Os produtos de higiene arrecadados já foram doados para famílias de Ceilândia, Itapoã e Paranoá atendidas no Golfinho, além do Instituto Solidário de Ceilândia, Lar dos Velhinhos, instituto El Shadai, Grupo Agradecer e Creche RN Sol Nascente.

Entre os doadores, desde o início da campanha, estão os próprios empregados e aposentados da Caesb, associados da Caesb Esportiva e Social (Caeso), equipes do Parque Tecnológico de Brasília (Biotic) e da Secretaria de Comunicação do Governo do Distrito Federal (Secom) – que se uniram à campanha e viraram pontos de coleta dos itens –, as empresárias Heloísa Helena e Pollyana Prudente, a Drogaria Brasil, o servidor do TJDFT, Michael Xavier, a Mirante Incorporações – que iniciou a campanha doando 2 mil sabonetes, o Shopping DF Plaza, a Rede D’Or, que doou 3,6 mil sabonetes, psicólogos e neurocientistas da HeartBrain, o Instituto Plástica Oclusal- IPO Palmieri, a ótica Audrey Brants, além de advogados de Brasília e pessoas anônimas da comunidade que estão deixando suas doações nos pontos de coleta.

Os itens de higiene pessoal continuam sendo recebidos nas portarias das unidades Sede e SIA da Caesb, na sede do Biotic e na ótica Audrey Brants, na Asa Sul.

Fotos: Divulgação/Caesb