29/05/20 - Fatura da Caesb terá novas informações sobre consumo de água e de esgoto



Consumo mínimo de água deixa de ser cobrado a partir do dia 1º de junho


No mês de junho, os clientes da Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) receberão suas faturas com as novas tarifas, relativas ao consumo de água e esgoto no mês de maio. O fim do consumo mínimo de 10m³ mensal é a mudança mais significativa na nova tabela. A partir do mês que vem, o pagamento dos serviços será feito pelo consumo efetivamente medido de água e de esgoto, adicionado à tarifa fixa de cada um desses serviços.

Outra importante alteração é a divisão das categorias de consumidores em quatro categorias, sendo que o consumo foi separado por 6 faixas para Residencial Padrão e Residencial Social. Para as categorias não residenciais, que hoje são Comercial, Industrial, Pública e Tarifa Paisagismo, haverá 5 faixas de consumo.

Para facilitar a cobrança, a nova conta de água e de esgoto terá duas linhas a mais na descrição dos serviços prestados pela Caesb: 
Duas linhas referentes às tarifas fixas de água e de esgoto. E outras duas linhas referentes às Tarifas Variáveis de Água e de Esgoto. A Tabela a seguir apresenta o valor da Tarifa Fixa para cada uma das categorias:

Categoria Tarifa Fixa Água / Esgoto
Residencial Padrão R$ 8,00
Residencial Social (Tarifa Social) R$ 4,00
Comercial, Industrial e Pública R$ 21,00
Paisagismo R$ 31,50


Dessa forma, o cliente pagará pela tarifa fixa de água, pela tarifa fixa de esgoto, pelo consumo variável de água e pelo consumo variável de esgoto. Pelas novas regras definidas pela Adasa, 40% da população do DF hoje estão na faixa de consumo de até 7 m³/mês e terão redução de até 65% na sua fatura. A nova estrutura tarifária prevê que o cliente que utilizar a água de forma racional e consciente terá uma redução em sua conta.

Um dos principais objetivos dessa mudança é estimular um uso mais racional e consciente de água, premissa presente em toda a nova estrutura. Ou seja, quem economizar mais, pagará menos.

Um exemplo:

Um cliente residencial que tenha consumido 4m³ observará em sua fatura da Caesb os seguintes itens:

 

Número de Unidades de Consumo Volume Total (m³) Preço (R$) Subtotal (R$)
1 4 2,99 11,96
       
Tarifa Variável de Água Residencial     R$ 11,96
Tarifa Variável de Esgoto Residencial 100%     R$ 11,96
Tarifa Fixa de Água Residencial     R$ 8,00
Tarifa Fixa de Esgoto Residencial 100%     R$ 8,00
Total a pagar     R$ 39,92

O cliente residencial pagará uma tarifa fixa pelo tratamento da água (R$ 8,00); uma tarifa fixa pela coleta e tratamento de esgoto (R$ 8,00); o valor pela quantidade de água consumida (metros cúbicos multiplicados pela tarifa de água) e o valor pelo esgoto coletado (metros cúbicos multiplicados pela tarifa de esgoto).

Outro exemplo:

Um cliente comercial que tenha consumido 2m³ observará em sua fatura da Caesb os seguintes itens:
 
Número de Unidades de Consumo Volume Total (m³) Preço (R$) Subtotal (R$)
1 2 6,14 12,28
       
Tarifa Variável de Água Comercial     R$ 12,28
Tarifa Variável de Esgoto Comercial 100%     R$ 12,28
Tarifa Fixa de Água Comercial     R$ 21,00
Tarifa Fixa de Esgoto Comercial 100%     R$ 21,00
Total a pagar     R$ 66,56

O cliente comercial irá pagar uma tarifa fixa pelo tratamento de água (R$ 21,00); uma tarifa fixa pela coleta e pelo tratamento de esgoto (R$ 21,00); o valor pela quantidade de água consumida (metros cúbicos multiplicados pela tarifa de água comercial) e o valor pelo esgoto coletado (100% do valor consumido de água ou o percentual em que se enquadra o esgoto do imóvel).


Tarifas mensais
A tabela mensal das tarifas pelos serviços de água e esgotos, que entra em vigor no dia 1º de junho, seguirá novos critérios. Os clientes residenciais padrão terão 6 faixas de consumo com valores que variam de R$ 2,99 até R$ 23,87 por metro cúbico de água e de esgoto consumidos. A Tarifa Fixa é de R$ 8,00.

Os clientes da Tarifa Social terão 6 faixas de consumo com valores que variam de R$ 1,49 até R$ 23,87 por metro cúbico de água e de esgoto consumidos. A Tarifa Fixa é de R$ 4,00.

Os clientes da categoria Comercial, Industrial e Pública terão 5 faixas de consumo com valores que variam de R$ 6,14 até R$ 14,97 por metro cúbico de água e de esgoto consumidos. A Tarifa Fixa é de R$ 21,00.

Uma inovação na tabela é a Tarifa Paisagismo – conhecida anteriormente como Tarifa Irrigação –, em que as 5 faixas de consumo têm valores que variam de R$ 9,21 até R$ 22,46 por metro cúbico de água e de esgoto consumidos. A Tarifa Fixa é de R$ 31,50. O critério para cobrança por serviço de paisagismo se aplicará nos casos em que a água for utilizada para fins decorativos e de jardinagem e que não seja possível tecnicamente a utilização de poços.

Para saber mais sobre o assunto e o impacto dessa mudança na sua conta, acesse o site da Caesb e faça a simulação de seu consumo com a nova estrutura tarifária.



Tarifa Residencial Social

Outra importante inovação trazida pela nova estrutura tarifária é a ampliação substancial do número de beneficiados pela tarifa social, de 3 mil para até 70 mil famílias, com renda familiar entre zero e R$ 178. Para ter direito à Tarifa Social, basta que o titular da conta de água seja beneficiário do Programa Bolsa Família e esteja com CPF cadastrado e atualizado no CadÚnico pela SEDES.

A tarifa residencial social corresponde a 50% do valor cobrado da tarifa residencial padrão. Pela nova estrutura, a tarifa média para quem consome 1 m³/mês nesta categoria terá uma redução de 82%.

Ou seja, se você é beneficiário do Bolsa Família e a conta de água não está no seu nome, aproveite e atualize seu cadastro no autoatendimento para ter direito à tarifa social. Basta solicitar a alteração de titularidade em um dos canais disponíveis.

Site oficial:

https://www.caesb.df.gov.br/

Para baixar o aplicativo da Caesb no celular:

- IOS: https://apps.apple.com/br/app/caesb-autoatendimento/id1003831993

- Android: https://play.google.com/store/apps/details?id=br.gov.df.caesb.mobile